EM SAPÉ – Ex-secretário condenado duas vezes por corrupção processa integrantes do “Senadinho” por danos morais

EM SAPÉ – Ex-secretário condenado duas vezes por corrupção processa integrantes do “Senadinho” por danos morais

Nos processos, Normandinho diz ter sofrido danos à sua ordem psíquica e emocional e cobra indenizações por danos morais de dois administradores do grupo de WhatsApp “Senadinho”

Depois de ter sido condenado duas vezes por improbidade administrativa, quatro contas rejeitadas pelo TCE-PB, cadastro na lista de pessoas sancionadas da Controladoria Geral da União, esposa acumulando cargos públicos irregularmente em Sapé e em Sobrado e de o Ministério Público pedir sua exoneração do cargo de secretário de finanças de Sapé, Normando Paulo de Souza Filho (Normandinho) aparece novamente em cena e impetra dois processos contra membros do grupo de WhatsApp “Senadinho”. Nas petições, Normandinho diz ter sofrido danos à sua ordem psíquica e emocional e cobra indenizações por danos morais.Os processos são contra Ênio Joab e Edeilton Klebson Freire da Silva, ambos integrantes e administradores do grupo “Senadinho”, por alegarem que um perfil identificado nas redes sociais como “Guto Malheiros” seria um fake, e que a conta seria na verdade de Normandinho.  O ex-secretário de finanças cobra indenizações por danos morais no valor de R$ 10 mil de cada réu, e ainda, se condenados, terão que pagar as custas e honorários advocatícios no valor de 20% do valor da causa.

O fato é que políticos e outros membros da gestão municipal também já identificam o perfil como sendo do ex-secretário Normandinho através de conversas privadas e contatos com o número da conta. Dependendo da rede social, o perfil aparece com o nome de Guto Magalhães ou Guto Malheiros.

O perfil também chegou a proferir ameaças ao presidente da Câmara Municipal de Sapé, Abraão Júnior, que disse a nossa reportagem que já tomou as providências e fez boletim na delegacia especializada de crimes virtuais. Para a identificação do perfil, deverá ser solicitado o ID da conta e a localização via GPS do celular para assim descobrir a identidade do operador da conta.

O caso despertou a curiosidade da população de Sapé e muitos acreditam que os processos sejam uma forma de intimidação para que casos mais graves envolvendo Normandinho não sejam publicados. Na verdade, é a população de Sapé que está sofrendo danos à sua ordem psíquica e emocional pela insistência de o prefeito Sidnei Paiva (Podemos) manter na prefeitura um condenado por corrupção e com a ficha suja na Controladoria Geral da União.

Normandinho foi exonerado do cargo de secretário de finanças a pedido do Ministério Público, mas continua trabalhando na Prefeitura de Sapé através de uma cessão do Governo do Estado da Paraíba, já que ele é funcionário efetivo dos quadros do Estado.

Veja abaixo um dos processos:

Da Redação do Portal GPS.

Redação GPS

Seu comentário é muito importante para nós.

Protegido por Direitos Autorais. Compartilhe o conteúdo usando os botões das redes sociais no final da matéria.