Mesmo após confirmação do primeiro caso de coronavírus, Sapé registra filas em bancos e correspondentes bancários

Mesmo após confirmação do primeiro caso de coronavírus, Sapé registra filas em bancos e correspondentes bancários

O município de Sapé registrou ontem (12) o primeiro caso de infecção pelo Covid-19. Já na manhã de hoje (13), as agências bancárias, correspondentes bancários e alguns pontos comerciais registravam filas em que as pessoas se aglomeravam sem respeitar a distância de segurança de pelo menos 1,5 metro.

Também foram registradas filas em Mari, Sobrado, Riachão do Poço e Cruz do Espírito Santo. A Polícia Militar teve que intervir mais acentuadamente na Casa Lotérica e na agência da Caixa Econômica Federal de Sapé, locais onde muitas pessoas aguardavam receber o auxílio emergencial do Governo Federal.

De acordo com o decreto estadual publicado em 27 de março, as agências da Caixa e lotéricas podem funcionar presencialmente, devendo organizar e priorizar o atendimento para os pagamentos dos beneficiários do Bolsa Família.

No caso dos bancos, o atendimento será restringido aos serviços que não podem ser realizados nos caixas eletrônicos e canais de atendimento remoto.

O decreto ainda ressalta que os estabelecimentos devem adotar medidas de proteção aos seus funcionários, clientes e colaboradores, estabelecendo a distância de 1,5 metro entre cada pessoa e adotando, quando possível, sistemas de escala, alteração de jornadas e revezamento de turnos, para reduzir o fluxo, e não permitir a aglomeração de pessoas.

A Polícia Militar tem monitorado as filas, checando o distanciamento das pessoas e o uso de máscaras de proteção. Já o poder público municipal não divulgou qualquer medida nova diante do primeiro caso de coronavírus registrado no município.

Da Redação GPS

Redação GPS
Protegido por Direitos Autorais. Compartilhe o conteúdo usando os botões das redes sociais no final da matéria.