Saúde de Sapé recebe mais de R$ 635 mil para ações de combate ao Coronavírus

Saúde de Sapé recebe mais de R$ 635 mil para ações de combate ao Coronavírus

Prefeito anuncia no Instagram o ‘Escola Interativa’, mas não existem publicações oficiais do Programa e população cobra ações do Executivo no socorro aos atingidos pela pandemia.

O Fundo Municipal de Saúde de Sapé recebeu este mês (abril) a segunda parcela dos recursos federais específicos para o combate ao Coronavírus no valor de R$ 531.138,59. O primeiro repasse ocorreu em março deste ano, no valor de R$ 104.886,00, totalizando mais de R$ 635 mil Reais.

Os recursos são específicos para o programa de enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do Coronavírus. Alguns deputados também destinaram emendas parlamentares para o setor de saúde do município, constituindo assim um importante aparato para ações de enfrentamento à pandemia.

Até o momento, a Secretaria Municipal de Saúde não anunciou qualquer ação no sentido de dar assistência médica à população. Os casos sintomáticos confirmados de Covid-19 estão sendo tratados em hospitais na capital. A prefeitura vem editando decretos com determinações para a implantação e manutenção do afastamento social e divulgação em carro de som.

Informalmente, o prefeito Roberto Feliciano anunciou na tarde de hoje o “Projeto Escola Interativa”, mas não foram especificadas as ações desse projeto. Os comunicados oficiais estão sendo divulgados através do Instagram pessoal do prefeito, o que fere o princípio da publicidade do serviço público, já que as redes sociais pessoais não são homologadas como veículos oficiais de divulgação dos atos do Executivo.

Segundo o prefeito, o Projeto – Escola Interativa e “uma demanda da Conjuntura Social Contemporânea, que promoverá situações de interação em rotas de atividades, conduzindo os educandos a permanecerem esperançosos. O qual não ficará apenas nas tecnologias disponíveis que já possuímos e fazemos uso, mas entendendo as dificuldades que muitas famílias tem do acesso a internet, as escolas tem preparado todo um material didático para que este vínculo – professor/aluno, aconteça.”. Não existe qualquer publicação a respeito do projeto no Diário Oficial ou no site oficial da Prefeitura.

Reprodução do Instagram pessoal do Prefeito de Sapé

O município perde a oportunidade de implantar pelo menos uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no município, uma demanda antiga do sistema municipal de saúde, reivindicação da população e promessa de campanha. O Estado de Calamidade Pública, os recursos federais e estaduais destinados ao combate da pandemia e a alta necessidade de atendimento de urgência e emergência no município são argumentos suficientes para a implantação de uma UTI permanente no Hospital Regional Dr. Sá Andrade.

Da  Redação do Portal GPS

Redação GPS
Protegido por Direitos Autorais. Compartilhe o conteúdo usando os botões das redes sociais no final da matéria.