Sapé tem aumento de 38% de casos confirmados de Covid-19 em apenas 3 dias

Redação GPS em GPS
O site Gestão Pública e Sociedade - GPS (www.gestaopublicaesociedade.com.br) é uma iniciativa de cidadãos preocupados em acompanhar, interagir e participar da gestão pública, fiscalizando recursos, denunciando abusos e desvios, combatendo a corrupção e atuando ativamente através de ferramentas e instituições públicas, privadas e não governamentais para melhorar a qualidade da política e a eficiência e eficácia na gestão pública.
Redação GPS

População cobra providências, comerciantes querem abertura do comércio e prefeito continua em distanciamento social. Relaxamento da quarentena faz o número de casos cresce no Centro da cidade

Os novos números da pandemia de Coronavírus em Sapé demonstram um aumento exponencial de 38% no número de casos testados positivo para o Covid-19. Já são 18 casos confirmados em 06 bairros da cidade. O último caso confirmado foi registrado no dia 24, quando o município registrava 13 casos confirmados positivos.

As estatísticas assustam a cada boletim epidemiológico, juntamente com o aumento das filas na agência da Caixa Econômica Federal para receber o auxílio emergencial. Os números do último boletim divulgado no final da tarde de hoje (17) ainda demonstram 44 casos suspeitos, 24 descartados, 03 recuperações e um óbito.

Na distribuição por bairros, o Centro da cidade registra o maior número de casos, com 07 casos positivos, seguido do Bairro de Nova Brasília com 04 casos; Bairro São Francisco com 03 casos; Bairro Novo com 02 casos e os Bairros Portal II e Renato Ribeiro com um caso registrado em cada um. O aumento do número de casos no Centro da cidade coincide com o relaxamento do distanciamento social, quando são notadas grandes aglomerações de pessoas na feira livre, supermercados, agências bancárias e nas ruas do centro comercial.

Os comerciantes, organizados na Câmara de Dirigentes Lojistas de Sapé (CDL), pressionam pela abertura geral do comércio, e estão há vários dias tentando audiência com o prefeito Roberto Feliciano. A categoria colocou até carro de som nas ruas, mas até o momento não foram atendidos em suas reivindicações.

O Governo Municipal vem tendo uma atuação tímida nas ações de combate à pandemia, sem qualquer anuncio de abertura de leitos hospitalares, hospital de campanha ou qualquer ajuda aos pequenos comerciantes, aos alunos da rede municipal ou à população carente do município.

Nas ruas da cidade, populares dizem que o prefeito levou a sério a quarentena e “decretou” distanciamento social total com o povo. A única fonte de informação é o Instagram pessoal do prefeito e um telefone disponibilizado pela prefeitura para atendimento restrito a assuntos do Covid-19: (83) 9.8208-7751.

Da Redação do Portal GPS

São 10 os casos testados positivo para Covid-19 em Sapé

Redação GPS em GPS
O site Gestão Pública e Sociedade - GPS (www.gestaopublicaesociedade.com.br) é uma iniciativa de cidadãos preocupados em acompanhar, interagir e participar da gestão pública, fiscalizando recursos, denunciando abusos e desvios, combatendo a corrupção e atuando ativamente através de ferramentas e instituições públicas, privadas e não governamentais para melhorar a qualidade da política e a eficiência e eficácia na gestão pública.
Redação GPS

População questiona a “chamada pública” para contratação de profissionais de saúde, já que o município não possui testes nem equipamentos para combater os sintomas do Coronavírus

A curva estatística do Coronavírus em Sapé está em plena elevação, registrando ontem (dia 22) um aumento de casos de 167% em relação ao dia anterior. Hoje(23), mais uma elevação foi registrada, passando de 8 para 10 casos confirmados de Covid-19 no município.

Além do aumento de casos testados positivos, a área geográfica da pandemia também vem se expandindo e já existem casos em 05 bairros da área urbana de Sapé: Bairro novo (02 casos), Centro (03 casos), Nova Brasília (03 casos), Portal I (01 caso) e Renato Ribeiro (01 caso).

Os casos suspeitos já são 34 e um óbito foi registado no município. Até o momento nenhum dos casos confirmados foi recuperado, alguns dos infectados encontram-se cumprindo quarentena em casa por estarem assintomáticos e em outros casos os pacientes encontram-se internados em hospitais da zona metropolitana da Capital. A prefeitura não divulgou detalhes de como está monitorando as pessoas assintomáticas e os casos suspeitos.

As informações oficiais são mínimas. Apenas o Boletim Epidemiológico é divulgado diariamente no Instagram pessoal do Prefeito. Dentre as medidas práticas adotadas foram registradas apenas a publicação de decretos, carro de som e uma chamada pública para a contratação e alguns profissionais na área de saúde, medidas essas com pouco efeito prático, já que a população não vem cumprindo a quarentena e não existe qualquer leito com Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no município. Também não se tem notícia da compra de testes para detectar o vírus nem aquisição de qualquer aparelho de ventilação mecânica (respirador). Assim, a população se pergunta para que a prefeitura vai contratar pessoal se não existe equipamento.

A redação do Portal GPS enviou questionário com indagações a respeito das medidas que a prefeitura vai adotar para conter o avanço da pandemia no município, mas até o momento não obteve respotas.

Da Redação do Portal GPS.

Boletim de Covid-19 aponta que região metropolitana de João Pessoa tem 85% de casos confirmados

Redação GPS em GPS
O site Gestão Pública e Sociedade - GPS (www.gestaopublicaesociedade.com.br) é uma iniciativa de cidadãos preocupados em acompanhar, interagir e participar da gestão pública, fiscalizando recursos, denunciando abusos e desvios, combatendo a corrupção e atuando ativamente através de ferramentas e instituições públicas, privadas e não governamentais para melhorar a qualidade da política e a eficiência e eficácia na gestão pública.
Redação GPS

publicado: 21/04/2020 15h18, última modificação: 21/04/2020 15h21

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgou, nesta terça-feira (21), o Boletim Epidemiológico n° 10 referente aos casos do novo coronavírus (Covid-19). O documento destaca que 85% dos confirmados residem na região metropolitana de João Pessoa e informa dados da doença, além de traçar o perfil das pessoas contaminadas. 

Na Paraíba, os 263 casos confirmados até o final da tarde dessa segunda-feira (20) estão espalhados por 19 municípios. Como aponta o boletim, a maior concentração está na região metropolitana da capital, com 225 casos, sendo João Pessoa com 185, Santa Rita com 20, Cabedelo com 11 e Bayeux com 09. Outras localidades que apresentam confirmações são Patos (8), Junco do Seridó (3), Pombal (2), Serra Branca (1), Sapé (3),  Sousa (1), Igaracy (1), Taperoá (1), São João do Rio do Peixe (1), Riachão do Poço (1), São Bento (1), Congo (1), Queimadas (1), Bom Jesus (1). 

Já Campina Grande, segundo maior município do estado, identificou 12 casos confirmados da Covid-19, porém com uma letalidade de 16,6%, com dois óbitos, superior ao índice registrado pelo estado, que é de 12,5%. De acordo com a gerente executiva de Vigilância em Saúde da SES, Talita Tavares, proporcionalmente é esperado um número maior de casos tanto em Campina Grande como na capital. 

A gerente explica que atualmente existem 2.244 notificações em investigação de casos suspeitos que foram notificados pelos municípios e hospitais mediante suspeita clínica para Síndrome Gripal leve e/ou Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) por Covid-19. Esses dados foram registrados no sistema Redcap, E-SUS VE, SIVEP Gripe e Hospitalizados e podem ser identificados por vínculos de casos suspeitos e por investigação laboratorial.

“No Boletim existem vários pontos a serem discutidos com as vigilâncias municipais, núcleos de epidemiologia hospitalar e assistência. As notificações são crescentes a cada semana, ampliamos o número de positividade, porém se faz necessário ampliar as investigações e avaliar os casos pelo vínculo e clínico/epidemiológico para assim termos um cenário mais fidedigno nos territórios. O exame RT-PCR continua sendo o padrão ouro para todos os casos hospitalizados”, pontua. Ela acrescenta que a chegada dos testes rápidos vai auxiliar na confirmação dessas notificações. 

Sobre o perfil dos casos confirmados, 130 são do sexo feminino, o que corresponde a 49,4%, e 133 do sexo masculino, ou seja, 50,6%. A faixa etária com maior número de casos continua a de 30 – 49 anos com 130 casos (49,4%). Do total de confirmados 45 casos (17,11%) são de profissionais da saúde. O boletim aponta também que a Paraíba tem 33 óbitos por Covid-19, destes 20 eram residentes no município de João Pessoa, 2 óbitos em cada um dos municípios de Santa Rita, Cabedelo, Campina Grande e Patos, e demais com 1 óbito nos municípios de Riachão do Poço, Junco do Seridó, Sapé, Bayeux e Taperoá.

Talita Tavares reforça que o agravo analisado, a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), é de notificação imediata em sistema on-line e que o encerramento dos casos deve acontecer em até 30 dias, mas que cerca de 70% dos casos notificados no estado estão sem encerramento no SIVEP. Ela destaca que a SES recomenda que, a partir da liberação do resultado do exame pelo Lacen, os casos sejam imediatamente encerrados no sistema da informação para permitir que todas as esferas de gestão tenham acesso a dados atualizados e consistentes. 

“Isso evita o uso de planilhas paralelas e, assim, teremos informações mais consistentes das informações e análises reais do cenário vivido no Estado e municípios”, completa. 

 Confira o boletim 

Da Redação com informações do Governo do Estado

Protegido por Direitos Autorais. Compartilhe o conteúdo usando os botões das redes sociais no final da matéria.